Um dia de grande satisfação para os clubes, de particular reconhecimento pelo trabalho desenvolvido por dirigentes e técnicos e de renovada motivação para seguirem a cumprir desígnios em nome do futebol e do futsal de formação sustentada e com marca de qualidade.

Foi no âmbito dessa envolvência que, este sábado, na Cidade do Futebol, entre as largas dezenas de representantes de emblemas e associações distritais e regionais de norte a sul do país do continente e das regiões autónomas, a AF Setúbal viu destacados 15 filiados (clubes e sociedades anónimas desportivas), os quais obtiveram a distinção federativa decorrente do meritório e evidenciado trabalho referente ao processo de Certificação de Entidades Formadoras e das Escolas de Futebol e de Futsal.

No total, no que respeita à época 2018/19, a FPF certificou 90 entidades e 80 escolas, sendo o Universo AF Setúbal reconhecido pela distinta conclusão de 12 processos, a saber:

Nível - Entidades Formadoras

Provas nacionais (futebol):

Clube Desportivo Cova da Piedade + Clube Desportivo Cova da Piedade SAD (processo único): 4 estrelas;

Vitória Futebol Clube + Vitória Futebol Clube SAD (processo único): 4 estrelas;

Clube Desportivo Pinhalnovense + Clube Desportivo Pinhalnovense SAD (processo único): 3 estrelas.

Provas distritais (futebol):

Futebol Clube Barreirense: 4 estrelas;

Grupo Desportivo Alcochetense: 4 estrelas;

Grupo Desportivo Pescadores da Costa da Caparica: 3 estrelas;

Palmelense Futebol Clube: 3 estrelas;

Sonho XXI Futebol Clube: 3 estrelas;

União Futebol Comércio e Indústria: 3 estrelas.

 

Nível - Escola de Futebol

Provas distritais:

Charneca de Caparica Futebol Clube: 2 estrelas;

Futebol Clube Alvaladense: 2 estrelas;

 

Nível - Escola de Futsal

Provas distritais:

Clube Desportivo Colégio Minerva: 2 estrelas.

 

Veja aqui os momentos de entrega das placas e diplomas 

 

Um trabalho conjunto por um caminho com futuro

Na sessão de abertura do evento cerimonial, o qual foi enquadrado no âmbito da realização do VI Workshop de Certificação de Entidades Formadoras e das Escolas de Futebol e de Futsal, o presidente da Direção da FPF, Fernando Gomes, não hesitou em manifestar a satisfação institucional pelo “enorme trabalho conjunto dinamizado por FPF, associações distritais e clubes, cujos responsáveis envolvidos no processo, foram determinantes para o sucesso obtido em nome da formação do futebol e do futsal”.

Para o presidente da Direção da AF Setúbal, Francisco Cardoso, “este foi mais um dia muito importante para garantir a qualidade da vertente formativa das nossas modalidades”, começou por assinalar o líder diretivo, felicitando, com renovado entusiasmo, os emblemas que viram reconhecido o seu meritório trabalho no âmbito do processo de certificação.

Contudo, Francisco Cardoso, reforçou que a AF Setúbal conta com mais de uma centena de emblemas filiados e “o objetivo é que todos entrem neste processo certificativo”. 

“Esta é uma caminhada que não vai parar. Portanto, e reconhecendo as realidades e dificuldades de cada um dos clubes, o processo de certificação deve ser encarado como uma prioridade, uma vez que a base estrutural dos clubes carece de uma formação de atletas adequada às exigências consagradas à luz dos normativos legais”, sublinhou o líder diretivo da AF Setúbal, instituição que esteve igualmente representada no evento federativo pelo vice-presidente Administrativo, Carlos Sevilha, a par dos elementos da subcomissão distrital de Certificação de Entidades Formadoras, Fernanda Martins e João Valério.

Francisco Cardoso vincou que “a AF Setúbal continuará a desenvolver todos os esforços e a contribuir, através da subcomissão distrital, no sentido de ajudar os clubes a visarem o melhor nível de certificação possível, sendo que o ponto de partida é avançar para o registo na Plataforma da Certificação de Entidades Formadoras”.

Recorde-se que o período para a auto-avaliação das entidades relativo ao processo de certificação 2019/20, termina no próximo dia 31 de outubro.

Os clubes filiados na AF Setúbal poderão manifestar quaisquer dúvidas e ou esclarecimentos adicionais, no âmbito do processo de certificação, através do e-mail: certificacao@afsetubal.pt

Em 2018/19, a AF Setúbal contabilizou o registo de 56 entidades filiadas no Processo de Certificação de Entidades Formadoras, das quais 24 submeteram-se à avaliação final.

Mais e melhor formação legalmente enquadrada

O processo de Certificação de Entidades Formadoras na FPF, teve início em janeiro de 2015, com o objetivo de dar resposta à legislação prevista sobre esta matéria, nomeadamente a inscrita na anterior Lei 28/98, de 26 junho, substituída pela Lei 54/2017, de 14 de julho, que deixa clarificado: “para efetuar o registo de Contratos de Formação Desportiva (CFD), na respetiva Federação, o clube tem que obter a Certificação como Entidade Formadora.” Para além do imperativo legal, a Certificação de Entidades Formadoras, pretende igualmente contribuir para a melhoria da qualidade do processo de formação dos jogadores nacionais.

Com o novo modelo de Certificação por Níveis, mais abrangente e inclusivo, com a colaboração e proximidade das Subcomissões de Certificação das Associações Distritais, o processo de Certificação é um instrumento cada vez mais forte e decisivo para a qualificação da formação dos praticantes e organização desportiva dos clubes e que ele terá um impacto muito relevante no futuro da formação, estabelecendo padrões mínimos de qualidade e facilitando a vida de pais e familiares dos praticantes.